A Modalidade


A Modalidade

A Modalidade Desportiva - Conceito e Caracterização 

A Patinagem Artística é uma modalidade desportiva constituída basicamente por três elementos específicos - o do domínio dos Patins ou Patinagem, o da Execução Técnica ou Elementos Técnicos Figurativos e o da Arte ou Adaptação Interpretativa e Representativa. 

Para além destas particularidades, a especificidade da sua Técnica associada à Arte na interpretação e representação coreográfica, constituem um todo que permite “quadros” estéticos e artísticos de rara beleza e únicos. 

Alcançar, contudo, o domínio suficiente destas técnicas e o seu aperfeiçoamento a níveis que possam ser apresentados em público nos recintos onde esta Modalidade Desportiva é sublimada e objectivamente se converte numa Arte, EXIGE por parte do atleta uma disponibilidade Temporal, Física e Mental TOTAL que muitos poucos estão preparados para abraçar, e mesmo para os que a tal se decidem, terão pela frente no mínimo uma dezena de anos de trabalho e várias horas de treino diário, para que os primeiros resultados possam ser visíveis. 

Associar a música aos gestos e à forma de expressão, bem como dominar os elementos técnicos e integrá-los na coreografia, de forma harmoniosa e artística, exige um perfeito domínio do corpo, um trabalho sempre contínuo, renovado e persistente, e uma procura/apuramento permanente. 

São indissociáveis quer a virtuosidade técnica, quer a música e a coreografia, e constituem um todo que quando alcançado, permite atingir o objectivo, embora sem ser definitivo. 

A procura/apuramento permanente da perfeição, conduzirá o jovem atleta para o enaltecimento em outras áreas complementares, na Dança, na Música e na Execução Técnica, no sentido de um melhor apuramento das suas sensações, do enriquecimento dos seus conhecimentos e formação da sua personalidade. 

A Patinagem Artística possui diferentes especialidades, tais como: A Patinagem Livre (PL) (Programa Curto e Longo); As Figuras Obrigatórias (FO); O Solo Dance (SD);- Os Pares Artísticos (PA); Os Pares de Dança (PD); A Patinagem Show (PS); A Patinagem de Precisão (PP).

Patinagem Livre (PL)

A Patinagem Livre (PL) é uma especialidade individual, para ambos os sexos, constituída por 7 escalões etários (Benjamim, Infantil, Iniciado, Cadetes, Juvenis, Juniores e Seniores). Esta especialidade é apresentada ainda por dois tipos de provas: o Programa Longo (PL) e o Programa Curto (PC). As provas de Patinagem Livre são realizadas com uma coreografia apropriada à música escolhida, com um tempo entre 2 e 4 minutos de duração, durante o qual o atleta terá de efectuar vários saltos e piões, intercalados com gestos harmoniosos, de acordo com o escalão etário. A sua prática requer força, coordenação, auto‐controlo e concentração, factores essenciais e imprescindíveis para um desenvolvimento psíquico e físico equilibrado do atleta.

Figuras Obrigatórias (FO)

As Figuras Obrigatórias (FO) é uma especialidade individual, para ambos os sexos, constituída por 7 escalões etários (Benjamim, Infantil, Iniciado, Cadetes, Juvenis, Juniores e Seniores). As Figuras Obrigatórias são exercícios executados sobre círculos traçados no solo, que o patinador depois de partir de uma posição parada, percorre apenas sobre um pé, realizando figuras de acordo com plano pré-definido, que representam as dificuldades específicas desta especialidade da Patinagem Artística.

Para a sua execução esta especialidade requer equilíbrio, coordenação e concentração, factores essenciais e imprescindíveis para um desenvolvimento psíquico e físico equilibrado do atleta.

Par Artístico (PA)

O Par Artístico (PA) é uma especialidade constituída por um par de atletas, um atleta masculino e uma atleta feminina. O que caracteriza e distingue esta especialidade de Patinagem Livre, são os saltos lançados, espirais e elevações.

Par de Dança (PD)

O Par de Dança, à semelhança do Par Artístico é uma especialidade constituída por um par de atletas, um atleta masculino e uma atleta feminina. O que caracteriza e a distingue esta especialidade do Par Artístico é que não são permitidas elevações acima da cabeça, nem saltos. Desta forma esta distinção torna‐a uma especialidade puramente artística.

Solo Dance (SD)

O Solo Dance é uma especialidade semelhante ao Par de Dança, contudo, distingue‐se desta pelo facto de ser praticada apenas por um atleta.

Patinagem Show (PS)

A Patinagem de Show, é uma especialidade constituída por atletas formando grupos, entre os quatro e trinta elementos, apresentando uma coreografia submetida a um tema escolhido para grupo.

Patinagem de Precisão (PP)

Na Patinagem de Precisão, os atletas formam grupos de oito a vinte e quatro elementos. Apresentam coreografias conjuntas e sincronizadas.

Provas de Avaliação

TESTES DE INICIAÇÃO - A primeira fase de avaliação dos atletas (fase preliminar) inicia-se com os denominados “Testes de Iniciação” que lhes permitem de uma forma progressiva auto avaliarem o próprio desempenho e confrontarem-se com as exigências que lhes são solicitadas, quer ao nível da concentração, quer da força, do equilíbrio, da coordenação e do auto‐controlo.

É considerado APTO, nesta fase, ao fim de quatro Níveis de avaliação, o que confere ao atleta um “Diploma” comprovativo de tal desempenho, passando às provas de avaliação seguintes, os “Testes de Disciplina”.

TESTES DE DISCIPLINA - A segunda fase de avaliação dos atletas (fase final) corresponde aos denominados “Testes de Disciplina” que lhes permite a escolha de uma disciplina de patinagem para uma progressiva especialização, afim de se prepararem para a competição e auto avaliarem o próprio desempenho e confrontarem-se com as exigências que lhes são solicitadas, quer ao nível da concentração, quer da força, do equilíbrio, da coordenação e do auto‐controlo.